sábado, 31 de março de 2012

Córrego Areão é o que mais polui o Rio Fanado

Um ano após a publicação da postagem Areão: um córrego quase morto, o tema volta à tona. Dessa vez, a partir da cidade de Minas Novas. A publicação foi feita pela ARPA (Associação de Recuperação e Proteção Ambiental de Minas Novas) e a dica é do Bernardo Vieira do Blog do Jequi.


Vocês sabiam que dos inúmeros Córregos que formam o Rio Fanado, o que mais descarrega dejetos poluentes e químicos em nosso Rio é o Córrego Areão, localizado na zona urbana da cidade de Capelinha. Tal fato se dá pela ocupação desordenada do centro de Capelinha e pela ausência de sistema de esgoto compatível com a descarga de poluentes ocorrida diariamante no Córrego, sendo que a população local não se preocupa com a questão.  

terça-feira, 27 de março de 2012

SINSERCA comemora avanços nas negociações com a Prefeitura


SINSERCA juntamente com os agentes comunitários de saúde e técnicos de enfermagem avançam nas negociações com a Prefeitura



Os agentes comunitários de saúde e técnicos de enfermagem estão conseguindo avançar nas negociações junto à Prefeitura e secretaria municipal de saúde. A mobilização já vinha acontecendo com os agentes comunitários, mas os técnicos de enfermagem decidiram somar forças junto à luta do sindicato e dos ACS em busca de melhores salários e condições de trabalho.

Na assembléia geral do dia 16 de março de 2012, ficou definido que os técnicos e os agentes fariam um abaixo assinado dando prazo ao prefeito e ao secretário de saúde de 48 horas para atendê-los em suas reivindicações. Tudo feito conforme combinado, a mobilização foi quase que total, mas no dia marcado para paralisação - 22 de março ás 14 horas -, fomos procurados às pressas por um dos representantes do município que se dispôs a dialogar. Neste mesmo dia foram realizadas duas reuniões com as comissões de técnicos e agentes na sede da prefeitura municipal. A reunião contou com assessoria jurídica do sindicato, onde ficou definido que os ACS passariam a receber o piso salarial no valor total repassado pelo ministério da saúde,  o que deverá elevar o salário base deles a partir do próximo pagamento para R$871,00(oitocentos e setenta e um reais). Sobre este valor será descontado o valor da previdência do INSS. Além de continuarmos posteriormente as discussões sobre outros problemas vividos pelos agentes, sendo que os mais graves  são daqueles que trabalham na Zona rural, e que muitas vezes custeiam por conta própria o seu transporte para chegar as comunidades mais distantes. Sendo que estes problemas, por deliberação anterior da própria categoria, foram denunciados ao Ministério Público de nossa comarca.

Futebol capelinhense busca a profissionalização com a regularização dos times

Tacisim do BML se emociona com a regularização do Internacional




Na Quinta-feira, dia 22 de Março, no galpão do Ninho da Águia, o Internacional Futebol Clube do Bairro Maria Lúcia, realizou uma assembléia geral para fundação e aprovação do estatuto e eleição e posse da diretoria para o quatriênio 2012 /2016 conforme cronograma proposto pela Comissão de Esportes da Câmara Municipal de Capelinha (Portaria 011/2012) que visa dar condições às equipes capelinhenses de se legalizarem e de filiar à Liga de Desportos Capelinhense e Federação Mineira de Futebol. 

domingo, 25 de março de 2012

PT define pré candidato à prefeito para as eleições municipais de Capelinha


Por Hélio Silva

O Partido dos Trabalhadores(PT), confirmou na noite deste sábado, dia 24, a Pré-Candidatura do Professor Aposentado Janer Moreira à Prefeitura de Capelinha. A informação foi dada pelo partido, após de uma uma reunião realizada com filiados.

AMBA manda recado à Prefeitura de Capelinha

No dia 27 de maio de 2010, representantes da Prefeitura de Capelinha se reuniram com moradores do Bairro Aparecida e agendaram o início em 90 dias das obras de asfaltamento de 10 ruas no bairro, e que o dinheiro já estava no caixa da prefeitura. Quase dois anos se passou e a promessa não se cumpriu. Os moradores agora estão se reunindo para uma manifestação cobrando mais respeito com o povo do bairro Aparecida que sempre foi esquecido pelas administrações anteriores e continua sendo pela administração atual.



quinta-feira, 22 de março de 2012

CRAS Pedro Novato abre inscrições para cursos profissionalizantes para jovens de 18 a 29 anos

PROJOVEM TRABALHADOR -JUVENTUDE CIDADà

CURSOS PROFISSIONALIZANTES

ORIENTAÇÕES PARA CADASTRO:



VAGAS: Jovens de 18 a 29 anos que não estejam no mercado de trabalho e que estejam estudando ou tenham concluído os estudos e não estejam cursando ou tenham concluído o ensino superior.

Cursos oferecidos: 


Serviços pessoais( manicure /pedicure, cabeleireiro, maquiador, depilador); 
Construção e Reparo I, II e III; 
Administração 
Telemática ( Manutenção de microcomputadores):


Inscrições: Espaço Ativa Idade – SPAI- Rua das Flores- 803 – Centro – Tel: 33- 3516.1268 em horário comercial de 20 a 30/03.


Informações: CRAS Pedro Novato-Rua Subestação 130 - Subestação - 3516 1640

Documentos Necessários: Originais e cópias do CPF, número do PIS, carteira de identidade, título de eleitor, carteira de trabalho, foto 3x4 e comprovantes de escolaridade e residência e, no caso dos homens, comprovante de serviço militar.

O protesto nas redes sociais não pára em Capelinha

Uma moradora do Bairro Vila Operária em Capelinha, enviou fotos para nossa redação, da Rua Carlos Prates! Abaixo um fragmento da petição da moradora Nair, enviada por email: 


“ Venho lhe pedir por aqui um grande favor,que me ajude a fazer um apelo para que alguém tome uma providencia quanto a situação da Rua Carlos Prates na altura do açougue do Mazim, desde ano passado quando começaram as chuvas que estou sofrendo com isso.”  

Veja as imagens: 






Fonte: Blog Capelinha MG

quarta-feira, 21 de março de 2012

Secretaria do Estado inaugura mais um núcleo de cultura


O Governo de Minas Gerais lança, no dia 22 de março (quinta-feira), o quarto Núcleo de Interiorização da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), avançando em seu trabalho de descentralização e regionalização das políticas públicas para a área de Cultura. O lançamento ocorrerá no município de Governador Valadares, na região do Vale do Rio Doce. O Núcleo de Interiorização funcionará como uma representação física da SEC, atendendo às demandas de artistas, produtores culturais e gestores públicos das macrorregiões do Vale do Rio Doce e da Zona da Mata, num total de 244 municípios.

Até o momento, foram lançados três Núcleos de Interiorização em Minas: no município de Araçuaí, com atuação nas macrorregiões dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas; em São João del-Rei, que atende às macrorregiões Central e Noroeste do Estado; e em Pouso Alegre, com atuação nas macrorregiões Sul e Centro-Oeste de Minas. Em abril, será lançado o Núcleo de Interiorização da SEC em Uberlândia, que atenderá às regiões do Triângulo Mineiro e do Alto Paranaíba.

segunda-feira, 19 de março de 2012

Prefeituras cometem fraudes dignas de novela



Irregularidades aconteceram em cidades do Paraná, mas reflete a realidade de várias cidades pequenas do Brasil.

Uso de veículos oficiais para visitas à manicure, placas com iniciais visando à promoção pessoal, nomeações para cargos “fantasmas”, acomodação de parentes em cargos públicos e até excursões ao Paraguai em micro-ônibus pertencentes à frota escolar. O que pode parecer inicialmente ações dignas do personagem Odorico Paraguaçu, um político corrupto e cheio de artimanhas, interpretado por Paulo Gracindo na novela O Bem Amado, de Dias Gomes, são cenas reais protagonizadas por prefeitos do interior do Paraná.

domingo, 18 de março de 2012

Câmara cria Comissão para tentar resolver problema da secretaria de esportes

Por Hélio Souza 


R$ 3 mil Reais. Esse é o salário do Comando da pasta da Secretaria de Esportes de Capelinha. Sem um escritório próprio, a pasta é comandada Pelo Contabilista Dilson de Moraes, que diretamente de sua empresa, divide seu tempo entre as atividades da Secretaria e os problemas Empresariais.

O caso é avaliado com negatividade por dezenas desportistas e pelo presidente da Câmara Municipal, Laerte Barrinha, que acredita que a pasta de esportes deveria ter uma secretaria própria. “Quem precisa resolver algum problema na secretaria de esportes, não sabe onde procurar porque não existe um local especifico para atender a população” enfatizou.

Através de um oficio encaminhado por mais de 10 Clubes de Capelinha à Câmara Municipal de Capelinha, vereadores Criaram a Comissão de Esportes através de um decreto lei e Contratou um funcionário para atender os times, que necessitam de orientação para resolver pendências burocráticas. 

Comissão esportiva caminha a passos largos

Representantes de times, desportistas e convidados, participaram no último dia 8 de março, no Plenário da Câmara Municipal, de uma reunião convocada pela Comissão de Esporte da Câmara Municipal para debater a realidade do esporte em Capelinha.

Movimento popular quer instalação de campus da UFVJM neste ano

Movimento "A UFVJM é nossa!" quer instalação de campus já!

O Movimento “A UFVJM é nossa!” quer a instalação de campus da Nossa Universidade em Capelinha, Araçuaí e Almenara, o mais rápido possível. Esta é a posição dos membros do Movimento: os coordenadores regionais Álbano Silveira Machado e Maria do Rosário Sampaio (Fundacentro/MG,DO/PPGSS-UERG) e coordenadoras locais Zinelma Calheiros, de Almenara; Martha Sampaio, de Capelinha, e Nádia Paulino, de Araçuaí. Para isso, está agendada uma audiência no Ministério da Educação, nesta quarta-feira, 21.03, em Brasília.

A audiência é exclusiva e terá a participação de lideranças do Movimento das cidades escolhidas como sede de campus: Capelinha, Araçuaí e Almenara. Nenhum representante político foi convidado. O Movimento apresentará a concepção de campus, a viabilidade de início de execução do projeto ainda este ano, com as sedes de campus sendo iniciadas em um mesmo período.

A proposta é que no próximo mês haja Seminários ou Audiências Públicas na região, nas três cidades - Capelinha, Araçuaí e Almenara-, para debater quais cursos seriam criados e as indicações técnicas para construção da infra-estrutura.

Depois da aprovação pelo Conselho Universitário da UFVJM, nesta sexta-feira, o próximo passo é a Reitoria fazer visitas às cidades escolhidas e realizar uma avaliação técnica dos terrenos já disponibilizados para serem doados. Os terrenos terão de 20 a 100 hectares, dependendo dos cursos a serem instalados.

O Movimento quer pressionar o MEC para disponibilizar os recursos necessários para a estrutura física, cerca de R$ 12 milhões para cada campus, e a disponibilização de 260 professores e técnico-administrativos para trabalharem nas novas unidades de ensino a serem criadas.

Veja como foi o dia da reunião do CONSU que decidiu a criação dos novos campis em Capelinha, Almenara e Araçuai

A UFJM é cada vez mais nossa! 


CONSU aprova campus em Capelinha, Araçuaí e Almenara

A UFVJM - Universidade Federal dos Vale do Jequitinhonha e Mucuri terá sua expansão com campus a serem instalados em Capelinha, no Alto Jequitinhonha; Araçuaí, no Médio Jequitinhonha; e Almenara, no Baixo Jequitinhonha, Esta foi a decisão do CONSU - Conselho Universitário, nesta sexta-feira, 16.03, em Diamantina.

Comemoração da caravana de Capelinha, Almenara e Araçuai
nas escadarias da UFVJM em Diamantina


Os conselheiros analisaram o Relatório e Parecer Técnicos de uma Comissão formada especialmente para fazer estudos de viabilidade de 7 cidades candidatas a sede de campus.

Os critérios adotados foram de densidade populacional, infra-estrutura, densidade educacional, acesso a outras cidades, PIB, comunicações, transportes e rede de serviços disponíveis.

Veja aqui a Portaria 011/2012 que dispõe sobre a criação da Comissão de Esportes de Capelinha

Reunião com desportistas abre novas perspectivas para o esporte capelinhense

Militância de desportistas capelinhenses faz com que o Esporte adquira caráter democrático com a criação da Comissão de Esportes

Aconteceu na quinta-feira (08/03) no salão da Câmara Municipal de Capelinha uma reunião com os representantes dos times capelinhenses e desportistas que foram convidados pela Comissão de Esportes da Câmara Municipal, o qual foi criada pelo presidente do legislativo Laerte Barrinha através do decreto lei 011/2012 em resposta ao ofício protocolado por 10 representantes de equipes no dia 12 de Fevereiro de 2012. A Comissão de Esportes da Câmara, formada pelos vereadores Cleuber Luíz como presidente, vice Déo Miora e Zezinho da Vitalina como relator . A comissão terá a função de analisar as solicitações dos clubes assim como autenticar a viabilidade e legitimidade das mesmas. 


Conforme o ofício, as solicitações dos clubes foram: Regularização dos clubes capelinhenses e refiliação/filiação à Federação Mineira de Futebol, reativação/criação da Liga de Desportos Capelinhense, calendário anual de eventos esportivos e de lazer, fortalecimento do Campeonato Municipal e que o mesmo seja organizado pela LDC com as normas da F.M.F. e passe a ser obrigatório por lei e ser disputado todos os anos ininterruptos em pelo menos duas categorias (principal e base), reativação do Conselho Municipal de Esportes, que o mesmo passe a ter mais representatividade dos desportistas e através deste, tornar lei o Fundo de Apoio ao Esporte, com o repasse ao esporte do ICMS Esportivo. 


Termina amanhã o prazo para inscrição gratuita no Seminário de Dirigentes municipais de Esporte de Minas Gerais


Termina na próxima segunda-feira (19/03) o prazo para a inscrição no I Seminário de Dirigentes Municipais de Esporte de Minas Gerais, que será realizado em 02 de abril, no Minascentro, em Belo Horizonte, pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), o Conselho Estadual de Desporto (CED) e o Conselho Regional de Educação Física da 6ª Região – Minas Gerais (CREF6/MG). O evento, que tem inscrições gratuitas, foi idealizado para reunir gestores e responsáveis pelo esporte municipal de todo o Estado.

A programação do seminário contará com apresentações para os administradores do setor, com informações sobre oportunidades de promoção de programas esportivos, oportunidades de financiamento e propostas para a sistematização do trabalho na área. Além disso, o seminário dará aos profissionais oportunidade de se conhecerem e incrementarem suas redes profissionais, com vistas a fomentar o intercâmbio esportivo em Minas Gerais.

Os participantes poderão ainda acompanhar gratuitamente toda a programação do XIV Congresso de Ciências do Desporto e Educação Física dos Países de Língua Portuguesa, que será realizado no Minascentro, de 02 a 05 de abril de 2012. Na oportunidade, será lançado o Observatório do Esporte de Minas Gerais, site especializado da Secretaria de Estado de Esporte e da Juventude, produzido para ser uma referência para os gestores esportivos do estado.

Jornal Estado de Minas veicula notícia sobre a criação dos novos câmpus em Capelinha, Almenara e Araçuai

Veja a notícia publicada no EM:

O Conselho da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) aprovou ontem a construção de câmpus nas cidades de Capelinha, Araçuaí, Almenara e Nanuque. A decisão integra o Plano de Desenvolvimento Integrado (PDI) da universidade para os próximos quatro anos e não assegura a expansão para essas cidades, nem mesmo a criação de quatro unidades. A palavra final é do Ministério da Educação (MEC), pasta à qual a universidade está subordinada, inclusive financeiramente. O aporte financeiro ainda não foi estimado. Apesar disso, a decisão é uma vitória para a comunidade da região que desde o ano passado se mobilizou para pressionar o governo a liberar a construção dos câmpus, depois que o conselho aprovou a instalação de duas unidades da universidade nas cidades de Unaí, Região Noroeste, e Janaúba, no Norte de Minas.

As unidades fora dos vales foram oferecidas pelo MEC, o que gerou uma onda de protestos nas redes sociais e nas ruas, mobilizando prefeitos, vereadores, deputados estaduais e federais. A Assembleia Legislativa promoveu uma audiência pública em Diamantina, sede da universidade, para tratar do assunto.

A mobilização inicial era para não deixar a expansão acontecer fora do Jequitinhonha e do Mucuri. Para abrigar as novas unidades chegou a ser cogitada, pela reitoria da universidade, a mudança do nome da instituição para Juscelino Kubitschek, o que aumentou ainda mais a polêmica em torno da expansão para Unaí e Janaúba, anunciada pela presidente Dilma Rousseff em agosto do ano passado. A expectativa é de que a presidente anuncie novas ampliações das universidades federais em todo o Brasil em abril ou maio. A data oficial não foi confirmada.

Critérios técnicos Segundo informações da UFVJM, as cidades foram escolhidas pelos representantes do conselho com base em critérios técnicos definidos a partir de regras do MEC. Foram analisados, entre outros aspectos, a população atendida em um raio de 150 quilômetros da unidade, a existência de pelo menos 200 mil habitantes em um raio de 75 quilômetros, o Produto Interno Bruto e a renda per capita, incidência de pobreza, número de médicos, leitos hospitalares e bancos, aeroporto mais próximo, estação de tratamento de água e esgoto e existência de terreno a ser doado pela prefeitura para a construção dos câmpus . Além das cidades escolhidas também estavam no páreo Itamarandiba, Minas Novas, Itaobim e Jequitinhonha.

sábado, 17 de março de 2012

A luta pela UFVJM: uma grande lição de democracia


Por Alexandre Macedo e Douglas Lima

Chegou o grande dia da decisão do Conselho Universitário (Consu) e, enfim, recebemos uma boa notícia: a UFVJM realmente é nossa! Um momento a ser comemorado por todos nós, pois é essencialmente histórico. Nunca na história do Vale, houve um coletivo tão combatente em prol de uma causa como aconteceu no caso da UFVJM.

Cidadãos, prefeitos, vereadores, deputados, empresários e outros se uniram todos em torno desse objetivo tão nobre e importante à todos os Jequitinhonhenses: o sonho de ter uma Universidade Federal instalada em nosso território.

Foi uma luta árdua, com vários embates com o reitor, que envolveu busca por apoio político e articulações com pessoas que, de uma maneira ou outra, ajudaram a fazer com que o grito do povo do Vale reverberasse. Luta também que contou com o grande apoio das mídias impressas e virtuais do Vale e recolheu milhares de assinaturas em abaixo-assinados. Sem também esquecer das várias reuniões, onde muitos cidadãos discutiram estratégias para que esta indicação se concretizasse.

Em todo este processo, não devemos nunca nos esquecer de uma lição tão importante aprendida nessa empreitada: a de que sem uma sociedade civil organizada e atuante é impossível uma grande conquista. Nada acontece quando a sociedade civil deixa de exercer seus direitos civis e políticos.

Para quem não se lembra, a luta pela UFJM foi iniciada por cidadãos comuns, indignados com a decisão do MEC-Sesu de criar campi universitários em cidades de outras regiões. O fato ganhou rapidamente grande repercussão, iniciada pelos blogs e também por usuários do Facebook (onde maior parte das estratégias foram traçadas). Quando a ideia ganhou força entre a sociedade civil, a sociedade política foi despertada, e a partir de então, começaram a surgir os primeiros representantes do Executivo e Legislativo Municipais e Estaduais a apoiar a causa. Sociedade civil e política, a partir de então, formaram uma parceria, na qual unidos, chegaram ao resultado que se deu definitivamente na tarde do dia 16 de março.

quinta-feira, 15 de março de 2012

Entre o presídio e a universidade: a trajetória de um povo condenado em busca da redenção

Determinados fatos e eventos possuem trajetórias de tal forma embaralhadas, que durante e após seu desenrolar torna-se complicado, às vezes impossível, estabelecer onde começou e quais foram seus principais agentes motores. Alguns desses acontecimentos não possuem um início determinado, mas pode-se usar o plural e falar de inícios que ocorrem simultaneamente em lugares diferentes, se conjugam e configuram uma grande articulação posteriormente.
A trajetória que desejamos tratar tem um começo tortuoso, como descrito acima. Um meio extremamente disputado e um final (mais ou menos) incerto, porém carregado de expectativas. O nosso ponto de vista para narrar o evento em questão se dá a partir da cidade de Capelinha e seu tempo remonta a agosto de 2011.
Desde o início daquele mês circulava na cidade comentários a respeito de um certo “cadeião” que o Governo do Estado, com o aval do Legislativo e do Executivo municipal, instalaria na cidade. Na falta de informações confiáveis, os boatos se encarregaram de semear a "verdade" daquele momento: Capelinha seria sede de um enorme presídio com capacidade para mais de 400 presos. Tudo começou quando a SEDS (Secretaria de Defesa Social) lançou concurso para lotar 40 vagas em Capelinha, dentre as quais 32 agentes penitenciários. Com algumas apurações, descobriu-se que desde o início do ano alguns vereadores tentavam transformar a cadeia local em um presídio estadual. Na prática, a administração do presídio já era do Estado, pois a responsável pela instituição era a Polícia Militar.

Entenda como funciona o BPC (Benefício de Prestação Continuada)


O Benefício de Prestação continuada da Assistência Social - BPC foi instituído pela Constituição Federal de 1988 e regulamentado pela Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS, Lei nº 8.742, de 7/12/1993; pelas Leis nº 12.435, de 06/07/2011 e nº 12.470, de 31/08/2011, que alteram dispositivos da LOAS e pelos Decretos nº 6.214, de 26 de setembro de 2007 e nº 6.564, de 12 de setembro de 2008.

O BPC é um benefício da Política de Assistência Social, que integra a Proteção Social Básica no âmbito do Sistema Único de Assistência Social – SUAS e para acessá-lo não é necessário ter contribuído com a Previdência Social. É um benefício individual, não vitalício e intransferível, que assegura a transferência mensal de 1 (um) salário mínimo ao idoso, com 65 (sessenta e cinco) anos ou mais, e à pessoa com deficiência, de qualquer idade, com impedimentos de longo prazo, de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, os quais, em interação com diversas barreiras, podem obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas. Em ambos os casos, devem comprovar não possuir meios de garantir o próprio sustento, nem tê-lo provido por sua família. A renda mensal familiar per capita deve ser inferior a ¼ (um quarto) do salário mínimo vigente.

A gestão do BPC é realizada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), por intermédio da Secretaria Nacional de Assistência Social (SNAS), que é responsável pela implementação, coordenação, regulação, financiamento, monitoramento e avaliação do Benefício. A operacionalização é realizada pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Os recursos para o custeio do BPC provêm da Seguridade Social, sendo administrado pelo MDS e repassado ao INSS, por meio do Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS).

Atualmente são 3,5 milhões (dados de agosto de 2011) beneficiários do BPC em todo o Brasil, sendo 1,8 milhões pessoas com deficiência e 1,7 idosos.

Para maiores informações, procure os CRAS de sua região e saiba como garantir o benefício.

Fonte: MDS

Vai começar a 1ª Copa Imperial de Futebol no campo do Jardim Aeroporto

Neste domingo dia 18 de março começa mais um evento esportivo em Capelinha que mostra a força do futebol capelinhense. pouco tempo aconteceu a final do 1º Torneio de Verão do Copasão, organizado pelo desportista Tarcisinho do BML e que obteve um grande sucesso. E pouco tempo depois, o desportista Plínio - da equipe império do morro - promove mais um grande evento do futebol com o apoio da Câmara Municipal e de comerciantes do Bairro Piedade. A 1ª Copa Imperial do Campo do Jardim Aeroporto acontece pela primeira vez e tem tudo pra alcançar êxito total e passar a fazer parte do calendário esportivo de Capelinha.

A competição conta com a participação de 8 equipes: Internacional, Império do Morro, Independente sub-20, CBI, Estrela da Piedade, Juventus do Aparecida, América e Motosserra. A arbitragem ficarão à cargo do trio Dedé, Zé da Dú e Golô.

O evento começa neste domingo próximo, a partir das 8 horas da manhã.

Prestigie a 1ª Copa Imperial de Futebol do Campo Jardim Aeroporto. O esporte agradece!

Confira a Tabela completa abaixo:


1ª COPA IMPERIAL DE FUTEBOL

TROFÉU: L.B. RECICLAGEM


GRUPO A

GRUPO B

INTERNACIONAL

ESTRELA DA PIEDADE

IMPÉRIO DO MORRO

JUVENTUS APARECIDA

CBI

AMÉRICA

INDEPENDENTE SUB-20

MOTOSSERRA



18/03/2012 – 8:00 HS.

JUVENTUS APARECIDA

X

MOTOSSERRA

- 10:00 Hs.

INTERNACIONAL

X

INDEPENDENTE (Sub20)

25/03/2012 – 8:00 HS.

AMÉRICA

X

ESTRELA DA PIEDADE

- 10:00 Hs.

IMPÉRIO DO MORRO

X

CBI

01/04/2012 – 8:00 HS.

AMÉRICA

X

JUVENTUS APARECIDA

- 10:00 Hs.

INTERNACIONAL

X

IMPÉRIO DO MORRO

08/04/2012 – 8:00 HS.

INDEPENDENTE (Sub20)

X

CBI

- 10:00 Hs.

ESTRELA DA PIEDADE

X

MOTOSSERRA

15/04/2012 – 8:00 HS.

INTERNACIONAL

X

CBI

- 10:00 Hs.

JUVENTUS APARECIDA

X

ESTRELA DA PIEDADE

22/04/2012 – 8:00 HS.

MOTOSSERRA

X

AMÉRICA

- 10:00 Hs.

IMPÉRIO DO MORRO

X

INDEPENDENTE (Sub20)



SEMI FINAL

29/04/2012 – 8:00 HS.

1º GRUPO A

X

2º GRUPO B

JOGO 1

- 10:00 Hs.

1º GRUPO B

X

2º GRUPO A

JOGO 2


FINAL

06/05/2012 – 9:00 HS.

VENCEDOR JOGO 1

X

VENCEDOR JOGO 2

Entenda a importância dos grêmios estudantis


Confira também estes links: 

sábado, 10 de março de 2012

Primeira edição do Projeto "Samba na praça" é sucesso em Capelinha


Resgatar e valorizar a cultural local, promover entretenimento, fortalecer os grupos de cultura popular, aquecer o comércio, valorizar os artistas locais e regionais, além de revelar talentos, esses são os objetivos da Sexta Cultural, numa iniciativa da Casa da Cultura de Capelinha, em parceria com o setor público e privado. 

No dia 09 de Março aconteceu o lançamento do evento, na Praça do Povo, tendo na sua programação a Dança do Vilão da Associação de Mulheres de Capelinha, recital de poesias, distribuição de mensagens e flores, numa iniciativa do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, presença do Pro-Riso, exposição de artesanato da PROART e dois shows musicais. 


A música popular brasileira foi destaque na revelação de talentos jovens como Betânia Ellen e Ana Paula, tendo como participação especial: Jéderson Cordeiro, Pedro Deon e Diego Evantuir, interpretando música de qualidade. 

O samba de raiz agitou o público que esteve presente na Praça, numa espécie de show “Amigos” que reuniu Rodrigo Pires, Omar Santiago, Júlio Pena, Manoel Henrique, Rogério Pop, Jurandir Evangelista, Tuzinho, Chocolate e Jéderson Cordeiro. 


O evento acontecerá sempre na segunda sexta de cada mês, sendo que o próximo já está agendado para o dia 13 de abril, no Galpão Cultural Professora Maria Odeth Sampaio, com programação a ser confirmada. 

Parceiros: Instituto Cria Som, Prefeitura Municipal de Capelinha, Secretaria Municipal de Cultura, Grupo de Teatro Anim ‘Art, Pro-Riso, Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Blog Regiscap1, Revista Sou Mais Minas, Rádio Aranãs FM, Revista Avisa, Polícia Militar, PROART, além de todos os artistas que se apresentaram sem cobrança de cachê. 

Texto e fotos: Fátima Santos Pimenta

Ex-prefeito e ex-vereador de Turmalina são condenados a 5 anos de prisão

Soelson Barbosa, já preso em 2007. Fonte imagem: Jornal Estado de Minas
O ex-prefeito e um ex-vereador da cidade de Turmalina, na Região do Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, foram condenados pela juíza Ana Paula Lobo de Freitas a cinco anos de prisão por associação em um esquema de corrupção.

Segundo os autos, em fevereiro de 2007, foi instaurado um processo de cassação do então prefeito municipal, Soelson Barbosa Araújo, após suspeita da participação dele em um esquema de corrupção. O ex-vereador Edi Pinheiro de Castro teria se comprometido a votar contra a cassação de Araújo.

Ex-Vereador Edi Pinheiro de Castro
Segundo a denúncia, uma outra pessoa enviada por Araújo teria procurado o ex-vereador e dois irmãos dele para apresentar as ofertas e as solicitações do então prefeito, que iria autorizar a execução de serviços de transporte público municipal das escolas e feirantes, e providenciar um imóvel e a quantia em dinheiro que totalizaria o montante de R$ 57 mil. Além disso, os três irmãos teriam solicitado empregos na administração pública municipal para parentes e R$ 10 mil para aquisição de um veículo.

A proposta foi repassada ao ex-prefeito, que marcou uma reunião. A entrega do dinheiro foi feita pessoalmente em um sítio de um dos irmãos do ex-vereador, em fevereiro de 2007.

Os outros suspeitos foram condenados a quatro anos e dois meses de prisão, em regime semiaberto, mas foram absolvidos do crime de formação de quadrilha.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, os condenados poderão recorrer em liberdade. O G1 não conseguiu localizar os envolvidos para comentar sobre o assunto.